4 de setembro de 2015

Caminho

(Fotografia: Andréa Iunes)

Caminho

Quero as asas da borboleta
na face endurecida por anos tristes
abraçar com força o tal cometa
esquecer os dedos em riste

quero o pouso do abelha
nos lábios já rachados
que acenda a centelha
e limpe os machucados

quero o abraço apertado
capaz de curar as feridas
no olhar apaixonado
o cessar de tantas idas

quero o encontro de mãos
trilhar o mesmo caminho
render-me à paixão
degustar uma taça de vinho...

Dhenova
27/08/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem me acompanha...

Pesquisar este blog

Visitantes