29 de junho de 2015

Retrato



RETRATO

Sou aquela que te persegue
nos sonhos
deito em teu leito
enquanto dormes
sossego no peito quente
e te beijo os lábios

Não sou indecente
apenas sincera
um pouco demente
sou anjo e fera
tua sombra
e tua lanterna

Não busco outra boca
não me interessam letras poucas
é tua devassidão que fascina
tua genialidade que brilha
lábios frios, minha sina

E assim amanhece
tua língua e a minha
grudada uma na outra
lá fora... some a neblina.

Dhenova

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem me acompanha...

Pesquisar este blog

Visitantes