.

Dos rios que não cruzei... não sei!

12 de junho de 2014

Acaba quando termina


Acaba quando termina


Sim, acaba apenas
quando termina
sem grandes danos
sem sinas,
só acaba assim...
quando termina


acaba quando termina
quando a paixão
já não chega à retina
e de vão em vão
fecha-se a cortina

acaba sim
quando termina


acaba quando termina
quando a ilusão
esmorece na menina
e de grão em grão
marca-se outra trilha

sim, acaba
quando termina


acaba quando termina
quando a emoção
torna-se parte da rotina
e de mão em mão
perde-se a doutrina

simplesmente acaba
quando termina


Sim, acaba apenas
quando termina
sem grandes danos
sem sinas,
só acaba assim...
quando termina.

Dhenova
12/06/2014

4 comentários:

  1. Sim, Dhe, acaba quando termina... difícil é saber se acabou mesmo, ou se ainda há mais um pouco... gostei da construção do seu poema, e do tema. Beijão.

    ResponderExcluir
  2. Grata, amiga, pela leitura e pelo carinho sempre com minhas letras! Beijo imenso

    ResponderExcluir
  3. Obrigada, amigo. Feliz em tê-lo aqui!

    ResponderExcluir

Quem me acompanha...

Pesquisar este blog